A  I N F L U Ê N C I A  D A           S A Ú D E  B U C A L

  N O  R E N D I M E N T O  

  E M

A T I V I D A D E S F Í S Í C A S

Os cuidados com a saúde têm crescido muito nos últimos anos, principalmente no Brasil. Além de uma alimentação mais cuidadosa e balanceada, o brasileiro tem praticado cada vez mais atividades físicas e se preocupado cada vez mais com sua forma física, tanto em âmbito estético quanto para a saúde em geral.

E o que a Saúde dos dentes tem a ver com tudo isso?

A Odontologia é a ciência que envolve todo o Sistema Estomatognático, o complexo que envolve face, pescoço, cavidade bucal, articulações, músculos, ossos e também as funções de deglutição, mastigação, respiração.

Os atletas e praticantes de atividades físicas exigem muito do seu físico para ter um bom rendimento, e se qualquer uma dessas partes não estiver em equilíbrio com o restante do organismo, seu desempenho diminuirá.

 

A Odontologia no esporte se tornou rotina nos consultórios odontológicos, no qual atletas de alta performance e praticantes de atividades físicas procuram PREVENÇÃO e tratamento de patologias decorrentes da cavidade oral, para assim evitar o progresso das mesmas para que não influencie no desempenho desportivo.

 

Alguns exemplos de situações onde problemas odontológicos poem afetar o rendimento em atividades físicas:

  • respiradores bucais podem diminuir em até 21% o seu rendimento se comparado a respiradores normais (nariz);

  • doenças periodontais, como a gengivite, oferecem um grande risco de contaminação do músculo cardíaco, causando uma grave infecção chamada de endocardite bacteriana;

  • a má oclusão, causadora de problemas de mastigação, pode prejudicar a absorção de nutrientes importantes;

  • uma dor de dente pode prejudicar a concentração durante uma competição;

  • e principalmente, uma infecção bucal pode se espalhar na corrente sanguínea colocando o coração em risco;

 

Quando há um foco infeccioso na cavidade oral, com microrganismos que circulam pela corrente sanguínea, as lesões musculares de ombros e joelhos podem ser mais constantes e de difícil recuperação. 

E uma dor na cavidade oral pode gerar muito desconforto para um atleta. Tanto a dor como a infecção podem provocar a queda de rendimento no atleta, além da necessidade de uso de medicamentos, que também podem comprometer o seu desempenho, gerar doping ou trazer outras consequências.

A Odontologia hoje busca pela prevenção de doenças bucais e, assim evita-se que o atletas sintam sinais e sintomas relacionados a dor, como:

 

  • Cárie dentária 

  • Endodontia (tratamento de canal)

  • Cirurgia buco- maxilo (dentes sisos e dentes que precisam ser extraídos)

  • Periodontia (doenças relacionadas a saúde gengival)

  • Ortodontia (maloclusões)

  • Dor orofacial (ATM)

 

É de extrema importância evitar que problemas de origem odontológica afetem seu desempenho no esporte. Afinal, seu corpo precisa estar em equilíbrio para que o seu desempenho não seja prejudicado. 

A prevenção é primordial para manter uma boa saúde e naturalmente, um bom desempenho nas suas atividades físicas. Exames simples e rotineiros podem evitar tal problema, como o Check Up Preventivo Digital. 

Cuide da sua saúde bucal com o mesmo afinco que pratica sua atividade física.

E para aqueles que querem começar a se exercitar e manter uma adequada rotina de exercícios, vai aqui algumas dicas:

  • Comece um passo de cada vez

  • Estabeleça metas realistas

  • Acompanhe seu progresso

  • Chame um colega para te acompanhar 

  • Seja paciente e consciente

Como qualquer nova atividade ou novo hábito, pode levar um tempo para se ter velocidade. Não tenha pressa e não desista!

Dr. Ricardo Nunes
Cirurgião Dentista e atleta de Crossfit

Av. Sete De Setembro 4923, Sala 604

Batel - Curitiba / PR

 

sk@skodontologia.com.br

41 3779 2911

41 9 9546 2518

SK ODONTOLOGIA 2019